Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Parquímetros para totós please

por Fulano de Tal, em 12.10.16

Nova Imagem.jpg

 

No "Mundo Maravilhoso de Fulano de Tal", onde habito, os parquímetros têm apenas dois botões, por todos os demais se revelarem desnecessários.

Um botão tem a cor verde e prescinde de qualquer outra sinalética. Ao premi-lo o sistema contabiliza o dinheiro inserido e emite um papel. O visor apresenta a mensagem “Obrigado” por alguns instantes antes de se desvanecer lentamente.

O outro botão tem a cor vermelha e também ele não requer mais explicações. Ao premi-lo, o sistema devolve quaisquer moedas que tenham sido introduzidas e volta a exibir a mensagem no visor “Introduza moedas”.

Hoje debaixo de uma chuvada inclemente, e pressionado por dois cidadãos dispostos em fila indiana atrás de mim e em clara violação do meu espaço restrito, tive de debater-me com este parquímetro. Um generoso teclado INTEIRO.

Honestamente que pensei que me cabia a mim a tarefa de datilografar todo o bilhete, com a morada da EMEL e os números de registo da conservatória (o que explicaria o teclado numérico no topo). Há até botões com bandeirinhas, sinais que se assemelham aos de reciclagem, alguns dos principais operadores matemáticos (notei a falta da divisão, curiosamente), e botões com o símbolo internacional da acessibilidade. Pergunto-me que desígnio insano cumprem todos estes botões.

Alguém sabe?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Deixe o seu comentário caso tenha gostado de passar por aqui