Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Franqueza, a minha maior qualidade

por Fulano de Tal, em 18.03.14

Acho que nunca fiz um CV na minha vida. Talvez tenha feito um documento à pressa porque era necessário numa proposta, ou para arquivar no departamento de recursos humanos da empresa que já me tinha contratado. Ou seja, nunca fiz um CV com o intuito de me candidatar a um determinado cargo ou a uma determinada empresa.

Também fiz poucas entrevistas de emprego. Lembro-me do primeiro emprego, em que fiz inclusivamente uma bateria de testes psicotécnicos numa empresa de recursos humanos. Desde esse dia apenas uso a palavra "psicotécnico" em frases carregadas de sarcasmo: "É pena não existirem psicotécnicos para votar".

Depois disso terei feito entrevistas com clientes, muitas. Queriam ver se poderiam trabalhar comigo o que é legítimo. Mas há uma coisa que gosto de ler, que são aqueles artigos que ensinam os candidatos a comportar-se numa entrevista. A responder às perguntas que estupidamente são repetidas pelos recrutadores.

O que se imagina a fazer daqui por 10 anos ? Qual a sua maior qualidade ? Se tivesse de nomear uma fraqueza, qual seria ?

Acabo de ler um artigo sobre esta última. A melhor dica curiosamente não está no texto mas nos comentários que se seguem, por parte de um leitor, cujo nome recordarei para sempre: David Davies, e que proponho desde já para o panteão da sua zona de residência. Recrutador : Qual a sua maior fraqueza ? Candidato : A honestidade. Recrutador : Eu não penso que a honestidade seja uma fraqueza. Candidato : Estou-me nas tintas para o que você pensa.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor